Seguidores

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Vendo no outro o que tem em nós

Marilyn Moroe

Às vezes a gente cria um juízo do outro que na verdade diz muito mais de nós mesmos. Quando "olho" para alguém e tento fazer uma leitura aprendo muito sobre mim.
Quando alguém me dá um rótulo eu fico só analisando como a pessoa chegou a esta conclusão, conclusão que a psiquê dela está envolvida... É divertido viajar nessa história.
É mais fácil ver no outro aspectos que rejeitamos em nós mesmos. (Uma das teorias de Freud intitulada "Identificação Projetiva", um dos mecanismos de defesa do EGO)


Criticar o trabalho de um artista é natural, mais que isso, é preciso para desenvolver o ar crítico, o importante é não criticar, julgar alguém que a gente afirma gostar ou admirar. Que incoerência!

Ver em si mesmo o que poderia incomodar faz a gente ser super tolerante com quem está perto. Vamos nos libertar desta "autohipocria", ela não leva a porto nenhum, ela é alienante. Não somos infalíveis, nós podemos errar, então porque o outro não pode?


Por Cintia Liana

Um comentário:

nacasadarotem disse...

Oi amiga estou aqui novamente encantada com seu texto você é simplesmente maravilhosa naquilo que faz parabéns
ah você passou lá no meu blog para pegar seu selinho esta no marcador selinhos aparece pra conversarmo
Bjs da Ro.
Saudades !!!