Seguidores

sábado, 9 de julho de 2011

Não confie em ninguém com menos de 30

Beneath this Burning Shoreline

Por Cintia Liana Reis de Silva

“Não confie em ninguém com menos de 30”. Só entendemos essa frase um pouco depois dos 30. Na verdade essa frase foi baseada na original, “não confie em ninguém com mais de 30 anos”, surgida em Paris entre tantas outras frases nas rebeliões estudantis de 68. Alguns estudiosos acham que se refere aos dogmas estabelecidos no passado.

Mas sobre a frase que proponho aqui, digo que não a levemos ao pé da letra ou para o lado pessoal, ela quer dizer que só após uma certa idade é que entendemos o verdadeiro valor de algumas coisas, é que nos tornamos mais responsáveis com os outros, menos egoístas, mais sinceros com nós mesmos e assim com a nossa própria vida. Entendemos que ser honesto é antes de tudo ser honesto com nós mesmos, é valorizar e reafirmar a nossa escolha de postura.

Normalmente é depois dos 30 que pensamos três vezes antes de caluniar alguém ou fazer algum comentário maudoso. Que entendemos que somos responsáveis por nossos amigos e que uma boa amizade vale muito. Que todas as pessoas merecem respeito e que isso independe do respeito que elas nutrem por nós.

Vemos que nossa família não é perfeita, mas é bela com todas as suas possibilidades. Que temos sempre muito o que crescer e que nos enxergamos muito pouco em relação a dimensão do que realmente somos e isso não nos diminue em nada. Que não somos os senhores da razão, que devemos ser menos reativos, menos passionais e mais humildes.

Entendemos, enfim, que não devemos fazer com os outros o que não queremos para nós e que os outros também se magoam e se ferem com coisas que, aos nossos olhos, podem parecer pequenas. Aquela história, que "pimenta nos olhos dos outros...".

Se você tem menos de 30 anos e já pratica tudo isso, acredite, seu senso de responsabilidade vai ficar ainda mais apurado após uma certa idade.

Posso parecer pouco otimista, mas a verdade é que, infelizmente, muitas pessoas nunca fazem 30 anos e nem entenderão a dimensão e a importância destes meus argumentos.
Cintia Liana Reis de Silva é psicóloga e psicoterapeuta, especialista em psicologia conjugal e familiar e adoção. É autora do livro "Filhos da Esperança" e dos blogs http://www.psicologiaeadocao.blogspot.com/ e http://www.finapresenca.blogspot.com/. Ela vive na Itália.

 
Postado Por Cintia Liana

2 comentários:

florais disse...

Aos 30 anos se dá o retorno de saturno.

Cintia Liana disse...

Hum, vou ler mais sobre isso.
Obrigada pela visita e comentário.